De repente, já é dezembro outra vez

 

Fiquem alegres no Senhor! Repito: Fiquem alegres! Que a bondade de vocês seja notada por todos. O Senhor está próximo! (Fl 4,4-5)

 

Dezembro chegou! As casas ficam iluminadas e as ruas assumem um colorido especial. Aos poucos, nossos corações vão sendo tomados por uma alegria diferente, mesmo com todas as tribulações do dia a dia.
Mas por que tudo isso? Por que dezembro desperta tantas emoções mesmo em quem não vivencia o seu sentido espiritual? Já não nos incomoda a correria certa dos preparativos para a Grande Festa da Noite Especial do dia 24, porque nossa alma vai se enchendo de uma nova esperança. É Jesus que vem outra vez, mesmo sabendo que Ele está entre nós todos os dias! É Jesus que vai renascendo em nossos corações, ainda que boa parte nem se dê conta disso!
Estamos em plena espiritualidade do Advento; tempo de mergulharmos na mística cristã de espera e esperança, de preparar a casa interior para essa chegada tão significativa: o Nascimento do Deus Menino que ouviu o clamor de Seu povo e veio com ele fazer misericórdia. É o próprio Deus que se revela na Pessoa de Jesus.
Para nós cristãos, já é o início de um novo ano, celebrado pelo calendário litúrgico no primeiro domingo, após a grande Festa de Cristo, Rei do Universo. Por isso, dizemos que já é tempo de renovar o anseio de buscarmos um mundo com mais amor, justiça social, fraternidade e paz.
É também tempo de vigilância: o Advento. Tempo de vigiar e estar preparado para a alegria da chegada do Senhor! De irmos aos poucos nos deixando moldar, como o barro nas mãos do oleiro, para melhor acolhermos Jesus e assumirmos integralmente que somos discípulos missionários do Mestre.
Que possamos entoar, a cada dia deste mês, o mesmo refrão que o poeta cantou: “Tu vens! Tu vens! E eu já escuto os Teus sinais!”. Que saibamos alimentar de esperança não somente o nosso próprio coração, mas de todo aquele que cruzar nosso caminho. Que possamos anunciar a nossa alegria na certeza de que Deus está presente e caminha incansavelmente conosco!
Meu irmão e minha irmã, vamos nos preparar bem para o Natal! E a melhor maneira de nos prepararmos é vivermos no Amor e na Justiça. Como proclamou o apóstolo Paulo:
O Senhor lhes conceda crescer e prosperar no amor de uns para com os outros e para com todos, a exemplo do amor que temos por vocês” (1Ts 3,12).

Caríssimos, que sejamos portadores da Boa Nova: Ele está entre nós e o tempo da Graça chegou! Que sejamos luz refletindo em nós mesmos a Luz do mundo que é o próprio Jesus. Um santo e Feliz Natal para todos!

Frei Paulo Henrique Romero
Pároco e Reitor