NSA JUBILEUNo dia 12 de outubro a Igreja no Brasil dará início às comemorações dos 300 anos do encontro da Imagem de Nossa Senhora da Conceição Aparecida, nas águas do rio Paraíba do Sul. Um Ano Nacional Mariano, para celebrar com devoção e fé, a maternal intercessão de Maria, a Mãe de Jesus, um ano para festejar 300 anos de bênçãos e graças concedidas ao Povo Brasileiro.
Formamos um povo mariano, manifestamos nossa afeição filial a Nossa Senhora Aparecida nas romarias, peregrinações, cânticos e ladainhas. “Nisso reside o valor incomparável do ânimo mariano de nossa religiosidade popular que, sob distintos nomes, tem sido capaz de difundir as diversas histórias latino-americanas em uma história compartilhada: aquela que conduz a Cristo, Senhor da Vida, em quem se realiza a mais alta dignidade de nossa vocação humana” (cf. Doc. de Aparecida n. 43).
A presença marcante de Maria na espiritualidade latino-americana, se caracteriza pelos incontáveis títulos pelos quais a Mãe de Jesus é invocada. Desde pequenos vilarejos a grandes centros urbanos, e praticamente em todos os lares cristãos.
Esse carinho nos revela a identificação da nossa gente com a missão de Maria, que exaltando a humildade da Serva do Senhor, seu silêncio contemplativo e, sobretudo, a fortaleza com que esteve aos pés da Cruz de Jesus. Maria é a encarnação do Sim definitivo dado a Deus, nela não há nada de provisório, sua maternidade é irrevogável.
A Maternidade Divina de Maria é a imagem mais apropriada para estabelecer um vínculo estreito com Jesus. A pequena imagem de Nossa Senhora Aparecida traduz expressivamente o evento da encarnação do Verbo de Deus. Sentimo-nos consolados ao ser acolhidos pelo seu olhar de mãe, e bendizemos o fruto de seu ventre, Jesus.
É significativo para a Igreja encerrar o Ano Santo Extraordinário da Misericórdia e iniciar o Ano Mariano. Podemos dizer que partimos do afago amoroso do Pai Misericordioso para caminhar ao encontro da Virgem da Ternura, Mãe de Misericórdia.
Que Maria, neste ano dedicado à sua especial intercessão, atraia para o Cristo mulheres e homens dedicados na edificação da civilização do amor. Nosso país possa dar passos significativos na valorização da vida, no respeito à pessoa humana e no cuidado dos pobres.

Maria, Mãe Aparecida, cubra-nos com teu manto de amor. Amém.

Frei Claudemir Vialli.