Basílica Menor de Santo Antônio do Embaré

Ordem dos Frades Menores Capuchinhos

Tel.: (13) 3227-5977 • +55 13 99118-0719 sec.paroquial@bsaembare.com.br

Secretaria: Segunda a Sexta: 8:00-11:30 / 13:00-16:30 • Sábado 8:00-11:30

Diocese de Santos




2ª Semana Quaresma Evangelho – (Mt 21,33-43.45-46)

Disse Jesus: “Ouvi mais uma parábola: Um fazendeiro plantou uma vinha. Rodeou-a com uma cerca, construiu nela um lagar e ergueu uma torre; arrendou-a a uns lavradores e depois partiu em viagem. Quando chegou o tempo da colheita, mandou seus empregados receber dos lavradores os frutos. Estes, porém, agarraram os empregados, bateram num, mataram outro e apedrejaram um outro. O fazendeiro mandou novamente outros empregados, em número maior que da primeira vez, mas eles os trataram do mesmo modo. Finalmente, enviou seu filho, pensando: A meu filho eles vão respeitar. Mas os lavradores, quando viram o filho, disseram uns aos outros: É o herdeiro, vamos matá-lo e ficar com sua herança. Então o agarraram, arrastaram para fora da vinha e o mataram. Quando o dono da vinha voltar, que fará com esses lavradores?” Responderam eles: “Vai punir com morte terrível esses criminosos e arrendará a vinha a outros lavradores, que lhe entreguem os frutos no tempo certo”. Jesus lhes disse: “Nunca lestes nas Escrituras: A pedra que os construtores rejeitaram tornou-se a pedra principal; isto é obra do Senhor, e é admirável aos nossos olhos? Por isso vos digo: o Reino de Deus vos será tirado e dado a um povo que o fará produzir seus frutos. Ouvindo suas parábolas, os sumos sacerdotes e os fariseus entenderam que Jesus se referia a eles. Procuravam prendê-lo, mas tinham medo das multidões, que o consideravam como profeta.